Prêmio Findes de Jornalismo 2016 - Regulamento

 

Vídeo exibido na primeira edição do Prêmio Findes de Jornalismo

As categorias telejornalismo, repórter cinegrafista, radiojornalismo, jornalismo impresso, fotojornalismo e webjornalismo concorrem a R$ 15 mil cada no Prêmio Findes de Jornalismo 2016. A iniciativa da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes), com apoio das empresas ArcelorMittal, Fibria e Vale concede, ainda, no valor de R$ 15 mil, o Grande Prêmio Rubem Braga de Jornalismo, criado em homenagem ao maior cronista capixaba, e que será entregue ao melhor entre todos os trabalhos inscritos relacionados ao setor industrial, abordando positivamente temas como: ambiente macroeconômico, gestão, inovação, produtividade, infraestrutura, educação, meio ambiente, segurança do trabalho, cultura, financiamento, tributação e competitividade. Ao todo, as premiações alcançam R$ 105 mil.

1. Objetivo

O Prêmio Findes de Jornalismo é uma iniciativa da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo que tem por objetivo reconhecer o papel e o compromisso da imprensa com o desenvolvimento do Estado.

2. Temática

Poderão concorrer ao Prêmio Findes de Jornalismo trabalhos jornalísticos de TV, Impressos (jornais e revistas), Rádio, Internet (sites e portais) e Fotografia, com temática livre. Já para concorrer ao Grande Prêmio Rubem Braga de Jornalismo os trabalhos devem ter relação direta com o setor industrial.

3. Inscrição

- O Prêmio Findes de Jornalismo é voltado exclusivamente a veículos de empresas jornalísticas do Estado do Espírito Santo.

- Não poderão ser inscritos trabalhos jornalísticos publicados/veiculados em meios de comunicação de instituições acadêmicas, setoriais vinculadas à Findes, sindicais, de entidades de classe ou vinculados aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, com exceção aos veículos que não se limitam aos conteúdos estritamente institucionais.

- Autor, autores, representantes legais, diretores ou chefes de Redação deverão encaminhar inscrições para o Prêmio Findes de Jornalismo nos termos e no tempo indicados pelo regulamento. Serão aceitos trabalhos jornalísticos produzidos por um ou mais profissionais que tenham sido publicados/veiculados entre 05 de outubro de 2015 e 11 de setembro de 2016. O anúncio dos finalistas será feito no dia 1º de novembro de 2016.

- A inscrição deverá ser feita única e exclusivamente via hotsite projetado para tal fim, disponível no endereço pfj.sistemafindes.org.br das 10h do dia 12 de setembro até as 23h59 do dia 02 de outubro de 2016.

- Os trabalhos deverão ser enviados conforme as seguintes categorias:

a) Jornalismo impresso: cadastro via internet, com anexo de arquivo em extensão ".pdf" da(s) página(s) publicada(s).

b) Webjornalismo (blogs, sites e portais): cadastro via internet, com indicação do(s) link(s) para a(s) reportagem(ns), sendo que o endereço na web deve estar ativo para acesso durante o julgamento e no dia da divulgação do resultado final do concurso.

c) Radiojornalismo: cadastro via internet, com anexo de arquivo em extensão ".mp3" da(s) reportagem(ns) veiculada(s).

d) Telejornalismo: cadastro via internet, com anexo de arquivo em extensão ".avi" da(s) reportagem(ns) veiculada(s) ou link(s) para a(s) reportagem(ns), sendo que o endereço na web deve estar ativo para acesso durante o julgamento e no dia da divulgação do resultado final do concurso.

e) Repórter cinegrafista: cadastro via internet, com anexo de arquivo em extensão ".avi" da(s) reportagem(ns) veiculada(s) ou link(s) para a(s) reportagem(ns), sendo que o endereço na web deve estar ativo para acesso durante o julgamento e no dia da divulgação do resultado final do concurso.

f) Fotojornalismo: cadastro via internet, com anexo de arquivo em extensão ".pdf" ou ".jpg" da(s) página(s) publicada(s), ou link para a reportagem na web, sendo que o endereço deve estar ativo para acesso durante o julgamento e no dia da divulgação do resultado final do concurso.

- O julgamento se restringirá aos trabalhos escritos em língua portuguesa, publicados em veículos capixabas, com sede no Espírito Santo.

- Cada autor poderá inscrever, no máximo, cinco (5) trabalhos por categoria.

- Somente os trabalhos com temática sobre o setor industrial serão selecionados para concorrer ao Grande Prêmio Rubem Braga de Jornalismo.

- Os trabalhos participantes poderão ser reproduzidos total ou parcialmente para efeito de promoção do evento.

* Em caso de dúvida sobre a autoria da matéria, fica valendo o critério profissional da assinatura impressa, gravada e/ou sonora.

* O material produzido por um ou mais autores e enviado separadamente será desclassificado do concurso.

4. Premiação

Os trabalhos jornalísticos inscritos concorrerão nas seguintes modalidades (todos os valores abaixo são líquidos):

• IMPRESSO (jornal e revista):

R$ 10.000,00 ao 1º colocado;
R$ 3.000,00 ao 2º colocado;
R$ 2.000,00 ao 3º colocado.

• TELEJORNALISMO:

R$ 10.000,00 ao 1º colocado;
R$ 3.000,00 ao 2º colocado;
R$ 2.000,00 ao 3º colocado.

• RADIOJORNALISMO:

R$ 10.000,00 ao 1º colocado;
R$ 3.000,00 ao 2º colocado;
R$ 2.000,00 ao 3º colocado.

• WEBJORNALISMO (sites e portais):

R$ 10.000,00 ao 1º colocado;
R$ 3.000,00 ao 2º colocado;
R$ 2.000,00 ao 3º colocado.

• FOTOJORNALISMO:

R$ 10.000,00 ao 1º colocado;
R$ 3.000,00 ao 2º colocado;
R$ 2.000,00 ao 3º colocado.

• REPÓRTER CINEGRAFISTA:

R$ 10.000,00 ao 1º colocado;
R$ 3.000,00 ao 2º colocado;
R$ 2.000,00 ao 3º colocado.

• GRANDE PRÊMIO: Grande Prêmio Rubem Braga de Jornalismo
Criado em homenagem ao maior cronista capixaba, será conferido ao melhor entre todos os trabalhos jornalísticos com temática relacionada ao setor industrial, abordando positivamente temas como: ambiente macroeconômico, gestão, inovação, produtividade, infraestrutura, educação, meio ambiente, segurança do trabalho, cultura, financiamento, tributação e competitividade – R$ 15.000,00

5. Seleção e julgamento

- A seleção e o julgamento dos trabalhos serão realizados em três fases. Na primeira, caberá à Comissão de Seleção indicar cinco trabalhos finalistas por categoria.

- Na segunda, a Comissão Julgadora apontará o vencedor em cada modalidade.

- Na terceira fase, a organização selecionará os trabalhos que podem concorrer ao Grande Prêmio Rubem Braga de Jornalismo (conforme pré-requisitos) e uma Comissão Especial escolherá o vencedor.

- Os integrantes das Comissões de Seleção, Julgadora e Especial serão indicados pela Findes, sob a coordenação da Gerência de Marketing, e suas decisões serão soberanas. Nenhuma das comissões contará com profissionais dos veículos concorrentes. Os nomes dos componentes das três comissões serão oportunamente divulgados pela Findes.

6. Calendário

Período de publicação ou veiculação dos trabalhos jornalísticos –05/10/2015 a 11/09/2016

Inscrições – 12/09/16 a 02/10/2016
Anúncio dos trabalhos finalistas – 01/11/2016
Anúncio dos vencedores e entrega dos prêmios – 02/12/2016, às 21h, em solenidade.

7. Observações finais

- Os prêmios são pessoais e intransferíveis.

- Os vencedores receberão certificado e a quantia financeira correspondente.

- Trabalhos vencedores produzidos por mais de um autor receberão valor e troféu únicos. Já os diplomas serão emitidos individualmente, conforme especificado na ficha de inscrição. O valor da premiação será repassado ao vencedor individual ou ao membro da equipe responsável pela inscrição.

- É imprescindível que o nome do veículo, a data de publicação/veiculação, autor ou autores dos trabalhos jornalísticos estejam visíveis na ficha de inscrição.

- Em caso de empate, os valores serão divididos entre os vencedores da categoria.

- Casos omissos serão tratados pela Comissão Julgadora, que é soberana em suas decisões.

- O foro para dirimir qualquer questão é o de Vitória-ES.

- Contato e dúvidas: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. ou (27) 3334-5615.

Print

©FINDES - Federação das indústrias do Espírito Santo. Todos os direitos Reservados.
Av. Nossa Senhora da Penha, 2053, Ed. Findes, Stª Lúcia - Vitória - ES - CEP: 29045-403